10 lições que aprendi com o câncer

Quase dois anos depois de toda a reviravolta que eu vivi, posso afirmar que nada na nossa vida é por acaso. Tudo tem um motivo maior e tudo deve ser transformado em aprendizado.

Baseado nisso, fiz uma lista com 10 lições que aprendi com o câncer:

1. Não se culpe por ter tido ou por ter câncer, a culpa não é sua. Você não é culpado, largue essa ideia de que câncer é mágoa repreendida.

2. Pare de se comparar com os outros, cada caso é único. Cada câncer é um câncer! No máximo, se inspire com a história das pessoas, mas jamais se compare.

3. Nós não temos controle absoluto sobre nossa vida, portanto, você não pode mudar muita coisa durante o tratamento, mas você pode mudar sua postura diante das dificuldades. Enfrente e não abaixe a cabeça para os desafios que a vida está lhe impondo.

4. Independente de sua religião, tenha FÉ! Confie. Saiba que toda oração e todo pensamento positivo é bem vindo.

5. Se permita sentir. Se quiser chorar, chore. Se quiser sorrir, sorria. Se quiser ficar sozinho, fique por um momento. Se respeite, respeite os limites do seu corpo. Você tem esse direito.

6. Se agarre e se mantenha por perto das pessoas que te fazem bem. Se afaste de pessoas, energias e comentários negativos. Você não é obrigado a nada e muito  menos precisa puxar essa carga negativa para você.

7. Seja positivo, acredite que as coisas vão dar certo, queira vencer. Eu sei que é MUITO difícil passar por um câncer, mas eu acreditei e, ao meu ver, isso influenciou e ainda influencia positivamente toda a minha jornada. Não deixe de levar sua ajuda e sua superação para quem precisa, você pode ser uma grande inspiração.

8. Não deixe de seguir as recomendações médicas e também não acredite em curas milagrosas que postam pela internet. Acredite no profissional que cuida de você, ele estudou e é capacitado para isso. Siga à risca as recomendações dele.

9. A vida é feita de ciclos. Tudo passa. Perder os cabelos, engordar com o tratamento, ter o corpo mutilado, passar por cirurgias… Eu sei, é terrível… Mas tudo passa. Confie.

10. Pare de de se importar com coisas, pessoas e situações que não merecem a sua atenção. Aprenda a se colocar em primeiro lugar também, se ame, se observe. Isso não é egoísmo, é amor-próprio, é autocuidado e não há nada de errado com isso.

Essa é a minha lista. Eu sei que cada paciente é único e cada um tem as suas próprias experiências, mas essas são as maiores lições que eu levo.

O que fica é o aprendizado.

Com amor,

Bel ❤️

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s